A FEBRE DAS FAKE NEWS NO WHATSAPP E SEUS RISCOS

A FEBRE DAS FAKE NEWS NO WHATSAPP E SEUS RISCOS

Janaina Sá Brito

Desde o ano passado, cresce constantemente a produção de notícias falsas no Whats App, as chamadas fake news. Muita gente que compartilha essas notícias acaba caindo em golpes e isso mancha a reputação dos profissionais de imprensa, empresas privadas, órgãos públicos e principalmente, dos usuários deste aplicativo de mensagem.

O que dá para perceber é que não há mais critérios entre a ética, o bom senso, o profissionalismo e principalmente, a credibilidade, pois esta leva muito tempo para se criar, mas pode levar cinco minutos para se destruir. O que podemos dizer de tudo isso? O que fazer com as teorias da comunicação que são ensinadas na faculdade de jornalismo? Como educar os usuários do Whats App e da internet em geral para não se deixarem levar por esses golpes? Há uma solução para tudo isso?

É lamentável ver que o Brasil perdeu a noção de honestidade e ética, o pior de tudo é ver os jornalistas afundarem-se neste mar de encrencas, sem ao menos ter a possibilidade de defenderem-se de forma digna. Não que estes não possam defender-se, mas nem sempre serão absolvidos da punição de forma justa. Não sabemos mais o que fazer para acabar com toda essa falcatrua jornalística, mas devemos orientar as pessoas para que não acreditem em tudo que é compartilhado na rede, mas também checar se a notícia é realmente verdadeira.

No jornalismo, existe uma expressão chamada barrigada, para definir notícias falsas que não vieram de fontes seguras, o problema é que as barrigadas aparecem todos os dias em nossos grupos de Whats App e não temos como controlá-las, a não ser que o aplicativo produza um dispositivo que filtre todas as notícias e as cheque para ver se são verdadeiras ou falsas, sendo assim, fica mais fácil compartilhá-las. Será que assim os jornalistas terão sua credibilidade preservada? Isso, só os usuários do Whats App vão poder dizer , pois cabe a eles exercitarem essa prática.

Então, só nos resta esperar que essa onda maléfica passe e que os jornalistas possam trabalhar tranquilamente produzindo notícias cada vez mais relevantes, de assuntos impactantes, que mexam com as ideias e opiniões do povo Brasileiro.

Autor: ANTENADA

Janaina Sá Brito nasceu no dia 03 de Abril de 1974 em Paris e aos seis meses, mudou-se com a família para Porto Alegre. É Radialista, graduada em Letras-Português e pós-graduada em gestão de conteúdo da comunicação social-jornalismo. O objetivo de seu blog é informar sobre todos os assuntos do momento, de forma dinâmica, sempre fornecendo pautas e notícias atualizadas , para quem vive na correria, mas quer sempre se informar sobre tudo que está acontecendo no Brasil e no mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s