TBT: O NOVO ÁLBUM DE RECORDAÇÕES

TBT: O NOVO ÁLBUM DE RECORDAÇÕES
Janaina Sá Brito
Antigamente, lá no início do século 20, as pessoas tinham o costume de tirar fotografias em datas festivas como nascimento dos filhos, festas de aniversário, casamentos, batizados, viagens e muitos outros momentos. As fotos eram de papel e em preto e branco e coladas em um álbum de fotografias, com o tempo, elas ficaram coloridas e os álbuns cada vez mais incrementados, com plástico de proteção poR FORA DAS FOTOS e estampas coloridas na capa, também tinham os álbuns com fotos de paisagens na capa ou também os álbuns personalizados, como os álbuns de bebê recém-nascido, de quinze anos e de casamento.
Com o tempo, os filmes deram lugar ás fotos digitais, os álbuns tornaram-se maiores, com espaço para mais de cem fotos digitais e podíamos escolher se antes de imprimir as fotos no pen drive em casas de revelação, se queríamos que a foto fosse impressa em preto e branco ou colorido, pois as câmeras digitais tinham recursos de resolução e mudanças de cor. Aí, com o advento e evolução da internet, vieram os álbuns virtuais como o Flicker, do Yahoo, e os álbuns das redes sociais Orkut, Facebbook e Twitter. Com o advento dos smartphones, surgiu a rede social de fotos Instagram, onde as pessoas postavam suas fotos e seus seguidores faziam comentários sobre elas. Agora, surgiu uma nova modalidade de álbuns de fotografia, o TBT, que significa Trolback Tursday, que significa retorno da Quinta-Feira ou Quinta-Feira da saudade, também tem o FBF, que significa Flashback Friday ou Sexta-Feira do flashback. Isto funciona da seguinte maneira: Os usuários do Facebook do Instagram e do Twitter, postam todas as Quintas-Feiras em suas contas uma foto antiga que lhe traga lembranças do passado usando a Hashtag TBT (#tbt) e nas Sextas-Feiras elas publicam fotos do passado usando a Hashtag FBF (#fbf). Ao publicarem as fotos antigas , os usuários descrevem aquele momento que os marcou no passado e ao final, usa as Hashtags citadas. Simples assim! Com o fim das mídias físicas como o CD, o DVD e o Vinil e Fita K7 (Estas últimas estão voltando com força), até os álbuns físicos estão com seus dias contados e as câmeras fotográficas também, dando lugar aos smartphones com os melhores recursos de imagem e resolução, para filmar e tirar fotos. É a nova era digital, tudo vai para a nuvem, mas pelo menos, as pessoas não deixam de recordar seus bons momentos junto das pessoas que gostam em qualquer época da vida, pois a memória afetiva é o mais importante, independente de mídias físicas ou digitais. Afinal, recordar é viver! Quem tem lembrança tem história e quem tem passado é uma pessoa feliz! Esse é o espírito!

Autor: ANTENADA

Janaina Sá Brito nasceu no dia 03 de Abril de 1974 em Paris e aos seis meses, mudou-se com a família para Porto Alegre. É Radialista, graduada em Letras-Português e pós-graduada em gestão de conteúdo da comunicação social-jornalismo. O objetivo de seu blog é informar sobre todos os assuntos do momento, de forma dinâmica, sempre fornecendo pautas e notícias atualizadas , para quem vive na correria, mas quer sempre se informar sobre tudo que está acontecendo no Brasil e no mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s