COMUNICAÇÃO

COMUNICAÇÃO:
O FIM DA OBRIGATORIEDADE DO REGISTRO DE JORNALISTA
Janaina Sá Brito
Há uma semana, o Governo criou uma MP que isenta a exigência do registro de Jornalista para todos os profissionais da área, assim como o registro de Radialista. Isso é um absurdo, pois dá a impressão de que qualquer pessoa poderá trabalhar como Jornalista, sem ao menos ter uma experiência e um registro profissional, pois para quem não se lembra, há dez anos, o STF decretou o fim da exigência do diploma de Jornalista para esses profissionais, mas nunca isentou o uso do registro.
Alguns Jornalistas como os saudosos Ricardo Boechat e Paulo Sant’Ana, José Paulo De Andrade e Cid Moreira, não formaram-se em Jornalismo e trabalharam na TV e no Rádio, só com o uso do registro profissional. Se isso continuar assim, os Advogados, Engenheiros, Médicos, Arquitetos, Professores, Adiministradores e outros profissionais formados em nível superior não precisarão mais de seus registros para trabalhar e nada mais funcionará dentro dos rigores da lei aqui neste país caótico e também não poderão usufruir de seus direitos oferecidos pelos seus sindicatos. Para quem não sabe, o Jornalismo começou lá nos primórdios, no século 15, quando Johanes Gutemberg criou a primeira prensa de tipos móveis, no início, só quem tinha acesso ás notícias eram os fazendeiros de classes mais abastadas. No século 19, já existiam as redações de jornais e os grandes periódicos e grupos de comunicação começaram a ser criados, mas só no século 20, nos anos 50 é que surgiram as primeiras faculdades de Jornalismo no Brasil. A regulamentação da profissão de Jornalista só aconteceu em 1969 e dez anos depois é que a profissão de Radialista foi regulamentada. O Presidente da câmara Rodrigo Maia declarou que vai impedir que essa MP seja aprovada, pois ele assim como nós Jornalistas acha um absurdo essa resolução do Governo, ferindo as normas da lei e da constituição.
A impressão que dá é que o Presidente Jair Bolsonaro criou essa MP para tretar com a imprensa, pois ele não gosta de jeito nenhum que sejam veiculadas notícias de desaprovação do seu Governo, mas tudo que é noticiado na imprensa é o resultado do que ele criou, são os frutos do que ele plantou e constantemente ele critica grandes jornais do Rio e de São Paulo, principalmente a Rede Globo, que sempre foi o saquinho de pancada da esquerda desde que ela foi fundada há 54 anos.
Tomara que Rodrigo Maia seja ouvido e que essa loucura de medida provisória não seja aprovada, pois se isso acontecer, gerará um grande caos na imprensa Brasileira, que além de apanhar constantemente, ainda tem que combater diáriamente o fenômeno das fake news. É lamentável!
Sugestões de pauta, comentários, elogios e críticas? Mande E-mails para: janaina.sabrito@gmail.com

Autor: ANTENADA

Janaina Sá Brito nasceu no dia 03 de Abril de 1974 em Paris e aos seis meses, mudou-se com a família para Porto Alegre. É Radialista, graduada em Letras-Português e pós-graduada em gestão de conteúdo da comunicação social-jornalismo. O objetivo de seu blog é informar sobre todos os assuntos do momento, de forma dinâmica, sempre fornecendo pautas e notícias atualizadas , para quem vive na correria, mas quer sempre se informar sobre tudo que está acontecendo no Brasil e no mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s