TV: ADEUS GUGU!

TV:
ADEUS GUGU!
Janaina Sá Brito
Anteontem, perdemos um dos maiores Apresentadores da TV Brasileira, o discípulo de Sílvio Santos, Gugu Liberato. Confesso, o meu programa favorito dos Sábados à noite, na minha infância e adolescência, quando passava os finais de semana na casa de minha avó, era assistir ao ‘viva a noite’ só para ver o Menudo e o Dominó, minhas boys bands preferidas da época. Meu coração disparava, ia dormir excitada a cada vez que eles apareciam no programa em várias situações diferentes. Inclusive, comentava com minhas amigas no dia seguinte o que acontecia no programa. Era maravilhoso e posso sentir ainda essa gostosa sensação a cada vez que eu me lembro.
Confesso, não gostava muito do Domingo legal, achava um saco ver a banheira do Gugu, com a Luiza Ambiel esfregando as costas dos caras que entravam lá. A única edição do Domingo legal que eu gostei e que pela primeira vez deu um toque jornalístico ao programa, foi a da cobertura do acidente aéreo que vitimou a banda Mamonas Assassinas, em Março de 1996, foi jornalismo o tempo todo, detalhe por detalhe, tudo em tempo real. Também lembro que em Março de 2003, estava com meus amigos em Itapetininga (Interior Paulista), em um dia ensolarado e quente, assistindo ao ‘Domingo legal’ e apareceu a dupla funkeira que foi o sucesso do verão daquele ano, MC Serginho & Lacraia, cantando e dançando o hit ‘éguinha pocotó’, o pior é que eles iam lá todos os Domingos. Lembro também que em 1998, quando o Padre Marcelo Rossi estourou no Brasil inteiro com a aeróbica do senhor (erguei as mãos e daí glória à Deus), o Gugu o chamava todos os finais de semana para cantar no ‘Domingo legal’.
Não cheguei a assisti-lo na Record em nenhum de seus Reality shows, mas o acompanhei nos filmes dos trapalhões. Enfim, são essas as grandes lembranças que guardo do Gugu. Quando eu morava em São Paulo no fim dos anos 90, lembro de passar de carro indo para a balada com os amigos na frente do parque do Gugu, um parque de diversões que ele construiu em frente ao Autódromo de Interlagos. Nunca cheguei a entrar lá, pois era uma jovem de 23 anos e não tinha filhos ou irmãos pequenos para levar. Então, só me resta dizer, Adeus Gugu! Vais fazer muita falta na comunicação!
Sugestões de pauta, comentários, elogios e críticas? Mande E-mails para: janaina.sabrito@gmail.com

Autor: ANTENADA

Janaina Sá Brito nasceu no dia 03 de Abril de 1974 em Paris e aos seis meses, mudou-se com a família para Porto Alegre. É Radialista, graduada em Letras-Português e pós-graduada em gestão de conteúdo da comunicação social-jornalismo. O objetivo de seu blog é informar sobre todos os assuntos do momento, de forma dinâmica, sempre fornecendo pautas e notícias atualizadas , para quem vive na correria, mas quer sempre se informar sobre tudo que está acontecendo no Brasil e no mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s